Home » Artigos » Prevenção de Perdas e a Copa do Mundo

Prevenção de Perdas e a Copa do Mundo

Prevenção de Perdas e a Copa do Mundo

 

* Renan Rossi

 

O Mercado

 

Estima-se que a Copa do Mundo de Futebol deverá gerar R$ 1,51 bilhões no comércio varejista brasileiro, prevendo um aumento de 7,9% a mais em relação as vendas comparadas a Copa de 2014, realizada aqui em terras tupiniquins.

 

A CNC (Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo), em levantamento divulgado no dia 19 de abril de 2018, disponibilizou dados importantes que nos ajudam a entender melhor o cenário durante os dias que se realizarão a Copa do Mundo.

 

Apesar do fluxo de consumidores nas lojas ser afetado durante os jogos por causa dos recessos, as vendas de aparelhos eletroeletrônicos, com especial atenção aos televisores e artigos de vestuários esportivos, reagem favoravelmente nos meses que antecedem o mundial e durante o evento.

 

 

Expectativa de faturamento com a Copa do Mundo em 2018, em milhões.

 

Apenas 12 estados concentrarão 86% da receita gerada pelas vendas no varejo durante esse período. São Paulo lidera o ranking com 34,7%, seguido do Rio de Janeiro com 8,5% e Minas Gerais com 8,3%, como exemplificado no gráfico abaixo:

 

Expectativa de faturamento do varejo com a Copa do Mundo por unidade da federação, em milhões

De acordo com a balança comercial, a importação de televisores cresceu 59% nos últimos 6 meses. Ainda, segundo o estudo, a “relativa estabilidade da taxa de câmbio nos últimos meses” ajudou a impulsionar a importação destes produtos.

 

Nos últimos meses, a indústria nacional aumentou em 31,5% a fabricação de produtos eletrônicos, de informática e óticos, em comparação ao mesmo período de 2016.

 

 

O papel da Prevenção de Perdas

 

Como em qualquer situação onde as vendas e o fluxo de pessoas no varejo sofrem relevante aumento no interesse de compra, aumenta-se também a possibilidade de crescimento das perdas. Assim, a Prevenção de Perdas Brasil deixa aqui algumas dicas importantes para prevenir prejuízos indesejados:

 

Etiquetas Antifurto

 

Produtos de alto risco são os mais visados por aqueles que pretende cometer um furto. Relatórios e experiências anteriores apontarão os itens mais problemáticos para o seu tipo de negócio. Há no mercado uma gama variada de modelos de etiquetas antifurto que podem ser colocadas ou acopladas em produtos dos mais diversos tipos: chuteiras, bolas, camisetas, canecas, livros, cds, dvds. Etiquetas antifurto funcionam em conjunto com as antenas antifurto.

 

Antenas Antifurto

 

Posicionadas estrategicamente na entrada das lojas ou checkout de caixas, as antifurto emitem sinais visuais e sonoros quando um produto etiquetado passa por elas sem serem pagos. Mais do que um acessório de segurança, algumas antenas servem também como totens luminosos, exibindo propagandas e chamando atenção para mais vendas.

 

Circuitos Fechados de TV

 

Os circuitos fechados de TV são excelentes aliados na prevenção e estudo comportamentais inadequados como também ajudam a traçar um panorama mais completo de como seus clientes estão se movimentando pelo negócio, como, por exemplo, quais zonas podem ocorrer (ou estão ocorrendo) mais perdas. Se estiverem funcionando em conjunto com outros softwares de gestão, as informações podem ser ainda mais relevantes. Em tempos de maior movimentação de itens sazonais, como acontece na Copa do Mundo, ter um sistema como esse é fundamental.

 

Gestão de Perdas

 

Tão fundamental quanto sistemas e utensílios para prevenir perdas e furtos, a gestão com foco nas perdas é o diferencial que filtrará para a excelência o desempenho do negócio. Uma equipe bem instruída, focada, com processos operacionais e comportamentais bem definidos são o diferencial de sucesso para conforto e aumento do fluxo dos clientes.

 

Com tudo isso em mente e as dicas que deixamos aqui, a única coisa que você não pode fazer é ficar parado esperando os clientes chegarem. Pense, aja e venda mais (e com segurança) na Copa do Mundo e no ano todo.

 

Sucesso!

 

 

* Renan M. Rossi é Gerente de Projetos na FAN Consultoria desde 2016 e está no varejo há 8 anos, todos eles dedicados à Prevenção de Perdas e Gestão.

Siga-nos nas Redes Sociais:
0

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Enjoy this blog? Please spread the word :)